Tags: " Microsoft"

….. Nesta segunda-feira a Google superou pela primeira vez a Microsoft em valor de mercado, atingindo mais de 249 bilhões de dólares. No ramo da tecnologia, a gigante das buscas nesse momento só aparece atrás da Apple, que lidera com folga o ranking sendo avaliada em mais de 620 bilhões de dólares.

….. O renovado serviço de e-mail da Microsoft, que vem para substituir o Hotmail, demorou apenas 6 horas para alcançar 1 milhão de usuários. O número está distante da quantidade de usuários do serviço anterior, que serão migrados com o tempo, mas impressiona pela velocidade.

AOL Yahoo MS

      Buscando combater Google e Facebook, que cada vez mais ganham espaço no mercado publicitário on-line, Yahoo, Microsoft e AOL anunciaram um acordo essa semana. As três empresas pretendem integrar suas plataformas de venda de espaço publicitário a partir de 2012 para anúncios dos Estados Unidos. A proposta é que sigam concorrendo entre si e oferecendo ofertas diferentes de anúncios, mas uma empresa poderá comercializar espaço publicitário na outra.

Tulalip

O blog Fusible revelou nos últimos dias que a Microsoft teria colocado por acidente no ar uma página de um provável projeto de rede social. O site se chamaria Tulalip e sua página inicial estava no ar em socl.com, que realmente é um domínio registrado pela Microsoft.
Atualmente no endereço encontra-se a mensagem: “Obrigado por estar aqui. Socl.com é um projeto interno de design de um time de pesquisas da Microsoft que por acidente foi publicado na internet”. Procurada pelo CNET a empresa respondeu com a mesma frase já colocada no site e disse “não ter mais informações por enquanto”.

Segundo dados do ComScore a Google se tornou a primeira empresa online a ter 1 bilhão de usuários únicos em um mês (incluindo todos os seus serviços). Em segundo lugar vem a Microsoft cujos sites reuniram mais de 900 milhões de pessoas, seguida do Facebook com 714 milhões de visitantes.

Apple

      O termo “App Store” foi registrado pela Apple e dá nome a sua loja de aplicativos. Porém, a Microsoft resolveu entrar na justiça argumentando que trata-se de um termo genérico, composto de duas palavras comuns do vocabulário geral.
      A MS pede que todos possam usar as palavras “app” e “store” para se referir às suas lojas de aplicativos. Inclusive, evitando os termos, a empresa chamou de Windows Marketplace sua loja para o Windows Phone 7.
      Para ver o andamento da questão junto ao United States Patent and Trademark Office (USPTO) clique aqui.

Lucas W Araujo

Lucas W Araujo

Analista de Processos Corporativos, Bacharel em Computação e apaixonado por Internet.

Arquivo

Twitter @lucaswaraujo